Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Se me queres feliz

Sábado, 14.10.17

Desculpa-me, em primeiro, desculpa-me, desculpa-me porque eu sei que não sou quem queres. Desculpa-me, mas se eu for quem tu queres que eu seja, digo-te: não sou feliz.

Queres o melhor para mim, e não me deixas escolher o que é melhor para mim- vives a minha vida como se fosse tua, e não me deixas dizer-te o quão mal me sinto por não viver, e apenas existir.

Sabes, não sei mais quem sou. E tu, saberás quem sou eu? Talvez seja um projeto teu, de algo que tu queres que eu seja, ou talvez seja alguém incapaz de decisões porque nunca as tomou, e é isso que fazes comigo: deixas-me sem escolhas e eu poderia fazer cem escolhas, e de todas essas eu sei que para ti falharia sempre. Desculpa-me se erro em cada passo que dou, mas hoje o teu amor por mim tornou-se uma posse inevitável e um modelo axiomático.

Ontem, chegaste tarde a casa, e quando abriste a porta já estava deitada, como sempre, e tu nem entraste no meu quarto, nem um beijo, e agora pergunto-me eu o porquê desta tua decisão? Continuas o teu caminho, ligas a TV - e durante todo este tempo eu rezo para que não ouças as minhas lágrimas de desespero - sentaste no sofá e continuas a tua vida, e eu recomeço a minha e como em todas as outras noites não consigo dormir, até que as lágrimas me encham de dor e de cansaço e aí adormeço, e tu provavelmente ainda estarás no mesmo sítio.

Quando acordo lembro-me da noite anterior e as lágrimas voltam, desculpa-me por ser tão fraca sempre.

Às vezes quando adormeces, deito-me do teu lado na cama para sentir o conforto dos teus braços, mas hoje eles já não me confortam mais. E desculpa-me porque nos teus braços devia sentir o conforto, o amor, o carinho, e o calor do teu colo e do teu amor.

E se me queres feliz, deixa-me errar, deixa-me ser eu a escolher. 

E se me queres feliz, faz-me dormir hoje, e diz-me de quem é esta culpa que me completa e visita todas as noites?

E se me queres feliz, abraça-me e dá-me um beijo como farias se tudo estivesse bem.

E se me queres feliz, senta-te comigo na cama e fala durante toda a noite quando mais me apetecer chorar, e deixa-me chorar no teu peito por favor, deixa-me chorar.

E se me queres feliz, ama-me e diz-me que me amas, por favor, porque nunca mais te ouvi a dizeres-me isso, ou por falta de tempo, ou até por falta de vontade, ou por preguiça, ou porque achas que eu sei que me amas mas eu já não sei se tu me amas ou não.

E se me queres feliz, aceita-me e ama-me exatamente como sou, e não faças de mim a tua segunda vida.

E se me queres feliz, deixa-me seguir viagem, deixa-me partir, deixa-me estar ao lado de quem amo, deixa-me estar ao teu lado e ama-me.

E se me queres feliz, faz-me ser feliz e deixa-me sorrir.

Se me queres feliz, olha para o sorriso dele e deixa-me errar mesmo que seja o maior erro da minha vida, olha para nós e sorri, por favor, deixa-me errar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Menina Flor às 21:54





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Outubro 2017

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031